Font Size Larger Font Smaller Font

desarmamentoAssim falou INRI CRISTO:

“Eu sou da paz. Sou emissário do PAI e da paz. A hora em que eu assistir, na mídia nacional, a fabulosa notícia de que o governo promoveu uma brilhante campanha e cumpriu o dever de desarmar todos os profissionais do crime, a hora em que o último desses profissionais entregar a última arma ao governo e a mídia mostrar os tratores passando sobre as armas entregues, então sim exortarei os meus filhos, os homens de bem, a não vender as armas para o governo, e sim doá-las em gratidão ao relevante serviço prestado pelo Estado a favor da segurança e da paz. Mas enquanto os profissionais do crime possuem suas armas, legais ou ilegais, por que os cidadãos de bem deveriam ficar desarmados, desprotegidos, expostos à ação dos delinqüentes? Se a Constituição prevê direitos iguais para todos, por que os bandidos tem direito à arma e o governo se empenha em desarmar a população?

O governo alega que os cidadãos de bem não devem possuir armas porque os bandidos irão roubá-las e as mesmas passarão a integrar o arsenal do crime. Por acaso não seria dever do Estado proteger os cidadãos de bem justo para que nem eles, nem suas armas fossem roubadas? No entanto, o que se observa é uma incongruência, um descalabro, uma inversão de valores. Senão, vejamos pois: quem adquire uma arma legalmente, além de pagar caro tanto a arma como o imposto, ainda tem que assumir a culpa pela incompetência do governo em propiciar segurança. E o governo, por sua vez, na senda da inversão de valores, ao invés de utilizar o dinheiro dos impostos em segurança, gasta-o para comprar as armas da população e depois destruí-las.

O governo deveria, isso sim, facilitar o porte de arma para as pessoas com atestado de probidade. Já cansei de ver caminhoneiros encurralados nos postos de gasolina, amedrontados por estarem à mercê de ser assaltados a qualquer momento, afinal os profissionais do crime sabiam que eles estavam desarmados. Certa ocasião,ouvi um relato triste de um caminhoneiro de Criciúma - SC, que foi seqüestrado a bordo de seu caminhão, amarrado numa árvore sem água nem comida, teve o veículo roubado e só 24 horas depois o cidadão foi encontrado e saiu ao léu procurando ajuda. Isso foi apenas o caso de uma vítima que sentiu necessidade de me relatar... Por essa e por outras considero que pelo menos o caminhoneiro, o trabalhador honesto, o lutador deveria ter o escudo propiciado pelo benefício da dúvida; ou seja, o profissional do crime não pode ter a certeza de que a pretensa vítima está desarmada.

O assaltante não pode estar seguro de que vai entrar na casa do cidadão de bem e cometer crimes sem encontrar resistência; pelo menos a dúvida há de permanecer: “Será que nessa casa tem alguém armado ou não?” A pergunta óbvia a ser feita aos promotores do desarmamento é: se numa rua há 100 casas e os proprietários de 30% delas estão desarmados, sabendo o bandido quais são essas casas, em quais delas ele se atreverá a entrar? Quanto mais se tiver a certeza de que todas estão desguarnecidas! É uma questão de matemática básica, meus filhos! Se o governo continuar gastando o dinheiro do erário para promover o desarmamento da população (dinheiro este que poderia ser investido em segurança, saúde, educação), estará passando atestado de irracionalidade e subserviência às escórias humanas disfarçadas sob a máscara de paladinos das causas justas”.

Quem divulgar esta mensagem será agraciado com bênçãos do céu.

anuncio inri tv menor

DOAÇÕES À SOUST

Veja como participar da
missão de INRI CRISTO

Para refletir...

Font Size Larger Font Smaller Font

“Às vezes idealizamos projetos em cima de grandes pessoas. Todavia, não raro, o tempo nos dá a saber que grandes eram os projetos, as pessoas só aparentavam ser grandes, não obstante eram pequenas, tacanhas, medíocres.”

INRI CRISTO

Newsletter da SOUST

Digite seu e-mail:


RSS Feed Image Inri Cristo via RSS

Depoimentos

As palavras de INRI CRISTO refletem o mais elevado estado de lucidez, coerência, realismo. Que as mensagens de INRI neste site possam tocar os corações e iluminar as consciências. Num mundo conturbado pela violência, incompreensão, preconceitos, antagonismos... é necessário abrir as portas da espiritualidade para desfrutarmos momentos de alegria e paz interior, que nos fortalecem e nos tornam mais humanos.

Adeí Schmidt
Discípula de INRI CRISTO, Brasilia
Sep 16, 2011

Visitantes online

Nós temos 218 visitantes online

Redes sociais:

  • Facebook Page: 139052659514125
  • Flickr: inricristo
  • Twitter: _INRICRISTO
  • Vimeo: 27506247
  • YouTube: INRICRISTOnaWeb

banner app inricristonaweb

SOUST - Uma escola mística e filosófica

A SOUST é uma Escola Mística e Filosófica onde o Mentor Regente INRI CRISTO ensina os seres humanos a viver harmoniosamente em simbiose com DEUS, coerente com o que disse há dois mil anos e suas palavras valem para sempre: "Buscai, pois, o Reino de DEUS e sua justiça, e todas as outras coisas vos serão dadas por acréscimo" (Mateus c.6 v.33).

Leia mais

 

Como participar da missão de INRI CRISTO?