Font Size Larger Font Smaller Font

Edson Martins: Desde já agradeço sua boa vontade em me ajudar em minha tese. Por favor, responda as perguntas abaixo. Elas visam procurar entender o movimento liderado pelo Inri.

1) Quando e como foi que você conheceu o Inri Cristo?
Pedro Lusz: Conheci Inri Cristo há muito, muito tempo atrás. Eu o reencontrei, nesta atual caminhada, em 1988, na cidade do Rio de Janeiro. Ele passou pelo Rio de Janeiro, visitando alguns amigos e, como eu já sabia desta visita e já havia me preparado para recebê-lo, fui com alguns amigos à estação rodoviária onde o encontramos. Foi algo muito especial e mágico, pois foi simples, natural e sublime. Foi como abrir um livro velho e atual, que deveria ser lido, continuando buscas de longas estradas. Conversamos um pouco e já percebi que em Inri Cristo estavam as respostas às perguntas mais intrigantes que eu fazia, havia muito tempo. Percebi que em Inri Cristo estava o desmoronar de uma instituição edificada na mentira e a seqüência, o rumo esperado e procurado pelos que se mantêm em harmonia com a coerência primitiva da Vida.

2) O que o levou a escrever um livro sobre ele?
Pedro Lusz: Eu estava, há muito tempo, pesquisando, investigando e preparando uma obra sobre política, sociologia e religião. Ao conversar com Inri Cristo, fui logo obtendo as respostas irrespondíveis, como diziam alguns ditos intelectuais. Apenas desviei o foco de minhas buscas. Então, Inri Cristo passou a ser este foco que eu tanto procurava. Conversei um pouco com ele, disse que se fosse necessário ele poderia contar com minha determinação na missão que ele comanda e que eu gostaria de saber mais sobre a caminhada na qual ele se mantinha. Ele me olhou, como se fotografasse meus neurônios, tempos depois, descobri que era exatamente o que ele estava fazendo e faz, sempre que olha para alguém, nos olhos, com profundidade., então, ele me olhou e disse que o tempo diria se o que eu acabava de dizer era sincero. E o que viria dali. Ainda nos encontramos mais umas vezes, durante esta visita ao Rio de Janeiro, e, meses depois, eu havia interrompido meus projetos, minha vida na arte, que ocupava grande parte de meus dias, e estava seguindo para Curitiba. Durante mais de três anos convivi com Inri Cristo, tempo integral, observando sua caminhada e absorvendo a profundidade do que ele representa. Posso afirmar que tive o privilégio de não ter vínculos com nenhuma religião, ainda não tenho, e sempre observo e absorvo o universo de Inri Cristo numa visão sociológica, simples, antropológica, natural e muito sublime. Com tantos sinais únicos em minhas observações, aconteceu o óbvio: um livro sobre Inri Cristo. Um livro interessante, porém, não está acabado, não é a obra que concluirei sobre ele. O verdadeiro livro meu sobre Inri Cristo está sendo finalizado.

3) Em sua opinião, por que há no movimento mais mulheres que homens?
Pedro Lusz: Há mais mulheres como discípulas, pois há muitos homens que seguem a marcha de Inri Cristo. Muitos à distância, muitos de perto. Porém, não se manifestam, não são discípulos. Há uma explicação sociológica muito evidente neste fato. As mulheres estão, nos últimos muitos anos, conquistando seu verdadeiro lugar no mundo. Há pontos determinantes de grande significados estratégicos em nossa sociedade que são dominados pela força das mulheres. Para alguns que nunca concordam com a sequência lógica da roda da vida, são apenas detalhes. Mas, são detalhes lógicos que explicitam uma grande virada nos princípios e ditames de comandos que sempre traçaram as regras. Prefiro deixar a filosofia antropológica de lado e me amparar nos caprichos da natureza. As mulheres têm muitas virtudes que só a elas é ofertado pela natureza. São condições que faltam aos homens e que fazem das mulheres seres especiais, seres diferentes e muito mais determinados. Estas características fazem com que as mulheres sejam mais corajosas, menos politiqueiras, menos bajuladoras, menos materialistas, menos voltadas para o tocável. As mulheres, claro que em tudo há muitas exceções, mas as mulheres são mais sutis, mais sagazes e, quando se fala de sensibilidade, de razões místicas, elas conseguem perceber mais rápido, conseguem alcançar com mais clareza. E, por isto não perdem tanto tempo, como os homens. Também com muitas exceções. Mas, as mulheres não desperdiçam energia, lutando, como muitos homens, procurando o que não perderam e medindo forças, mesmo sabendo que não encontrarão virtudes nestas disputas. Muitos homens encontram Inri Cristo e o percebem com mais clareza que muitas mulheres. Mas, por muitas questões, dentre estas a vaidade, o orgulho, o atavismo podre de uma cultura machista, arcaica e materialista, continuam indecisos, esperando oportunidades que sabem não existirem, evitando seguir um comando simples, pois adoram fantasias, e continuam seguindo Inri Cristo, mas à distância, como muitos afirmam, não querendo se expor. Há também, segundo dados históricos, antropológicos, místicos e sociológicos fatos que sustentam ter a mulher resgatado sua autoridade, sua autonomia, seu verdadeiro lugar na sociedade, quando da crucificação, há centenas de anos atrás. Inri Cristo afirma que este fator é o determinante nesta crescida das mulheres em pontos tão estratégicos de nossos dias. É sabido, respaldando o que afirma Inri Cristo, que as mulheres foram as que mais lutaram, as únicas que resistiram até os últimos suspiros, defendendo o Cristo na época da crucificação. Já que estamos falando de um assunto tão amplo, profundo e místico, considero este fator de grande importância.

4) Para você quais são as razões que levam as pessoas a seguirem e tornarem-se discípulos do Inri?
Pedro Lusz: Inri Cristo é o que muitos buscam e sentem sobre a realidade da vida, quando o assunto é Religião. Religião no sentido verdadeiro da palavra: um elo de ligação entre os seres humanos e a Criação, o Comando. talvez os demais seres sejam mais sensíveis e não necessitem deste elo. Então, ficamos sempre no campo da sociologia humana. Inri Cristo representa, naturalmente este elo. Não pela aparência, pelos ditames de tantas religiões, pois as pessoas que são ligadas, com muita dependência, a correntes ditas religiosas, são as que menos conseguem se aproximar de Inri Cristo. É claro que há exceções. Quando uma pessoa busca explicações para os mistérios da Vida, esta pessoa precisa de respostas que ela sinta, que a toquem. Nas inúmeras buscas, pelas lojas que vendem fé e demais assuntos onde a alma é a alma do negócio, estas respostas são muito fantasiosas, cheias de voltas, vazias de significados, cada um tentando alterar o que o outro afirmou, até porque, a concorrência é imensa. Quando esta pessoa se aproxima de Inri Cristo As explicações fluem, quase sempre sem perguntas., fluem com naturalidade. Inri Cristo tem esta perícia de explicar sem rodeios, sem estar dando aulas. É claro que, para quem busca contradições, fantasias, o que escutará de Inri Cristo pode parecer fora da realidade, pois se o que se escutou sempre diante de tantos altares é aceito como verdade, o que Inri Cristo fala não é mesmo o que estão empurrando goela abaixo desta humanidade amedrontada. Esta simplicidade, clareza e lógica com as quais Inri Cristo caminha, manifesta e sustenta a missão na qual está tão empenhado, dá segurança às pessoas. Isto é o que mais fortalece esta aproximação.

5) Em sua opinião, qual é o fator que mais atrai discípulos para o movimento?
Pedro Lusz: Quem poderá, nestes nossos dias de filosofia tão limitada, explicar, com certeza, os principais mistérios que nos convidam, nos empurram, nos levam a tantas estradas? Tentar explicar os motivos que levam as pessoas a se aproximarem de Inri Cristo, deixando tantos valores idolatrados pela sociedade, enfrentando tantos desafios, desafios impensáveis para milhões, ou mesmo bilhões de pessoas nestes dias, explicar isto humanamente é uma tarefa mais teórica que realista. Porém, como estamos falando de Inri Cristo, o real humano necessita ser mesmo real. Então, vemos alguns fatores bem definidos nesta ponte que leva as pessoas a se tornarem discípulas de Inri Cristo: a clareza na explicação de questões irrespondíveis para tantos, a firmeza com que Inri Cristo assume, comanda e cumpre a marcha na qual está todo empenhado, a austeridade, harmonizada com meiguice e doçura que está muito viva em suas ações e, como a lista de motivos é enorme, talvez a mais marcante de todas as razões: uma certeza que estas pessoas sentem, escutam em seus interiores. Certeza acompanhada de muitas explicações lógicas, coerentes, despidas de fantasia. Não é uma tarefa fácil, talvez por ser simples e natural. Os fantasiosos, os que procuram muitas semelhanças, muitos sinais vendidos durante longo tempo por religiões e religiosos, estes se aproximam, olham, ouvem, observam e desistem, pois não enxergam, não escutam e não absorvem.

6) A aparência física do Inri, semelhante à imagem que os artistas fizeram de Jesus Cristo é importante na captação de discípulos? Comente.
Pedro Lusz: Claro que não. Muitas pessoas se aproximam de Inri Cristo, fisicamente, pessoalmente, muito depois que começam a seguir o que ele fala e vive. Muitas pessoas se aproximam de Inri Cristo com uma certeza imutável sobre o que ele é. Muitas pessoas se aproximam de Inri Cristo apenas por haverem escutado o que ele diz. Muitas pessoas se aproximam de Inri Cristo, sem jamais terem visto cor alguma na vida, pois têm condições diferentes na visão. Pessoas cegas. Estas pessoas não dão importância, ou mesmo, uma grande maioria., sequer conhecem bem a "imagem que os artistas fizeram e fazem de Jesus Cristo." Há muitos que estudam, têm o hábito do questionamento, da leitura e sabem que há citações bíblicas afirmando que o Cristo retornaria com a mesma aparência da época da crucificação. Mas, mesmo para estas não creio que a aparência seja determinante. São sinais que amparam as práticas, as palavras, as explicações de Inri Cristo e são partes de um conjunto que mostra a estas pessoas que não estão sustentando uma fantasia.

7) Em sua opinião, o que os discípulos esperam do Inri?
Pedro Lusz: Segurança. Explicação às coisas simples e sublimes que dão sentido à Vida. Um comando real, sincero e lógico, que mostre como buscar e desbravar as melhores estradas para se chegar ao caminho tão desejado por todos os que respeitam a Vida. Os que estão com Inri Cristo, decididos e conscientes da grandiosidade que há nesta caminhada, esperam orientações, sinais que os amparem nas ações com as quais são partes desta Missão, para eles sagrada. Sabem que são parte desta engrenagem e isto é sublime, sagrado para eles e elas.

8) Da mesma forma, o que o Inri espera de seus discípulos?
Pedro Lusz: Fidelidade. Sinceridade. Autenticidade. Coerência. Lógica, buscas de informações com as quais possam sustentar a verdade. No reino de Inri Cristo a mentira é abominável, repudiada, mesmo crime, como o é nos ensinamentos sagrados da Torá, traduzidos na bíblia verdadeira. Inri Cristo espera que os que o seguem, os discípulos e discípulas principalmente, pois são partes diretas desta marcha, tenham como base primeira a verdade, com a qual toda fantasia se dissipará.

9) Pela sua convivência com o grupo, até que ponto os discípulos acreditam no que o Inri diz?
Pedro Lusz: Quando uma pessoa é aceita como parte do Corpo Eclesiástico do Movimento de Inri Cristo esta pessoa não tem dúvida alguma sobre o que Inri Cristo fala e vive. Se aparecer alguma dúvida, algum questionamento, se explicitado, é explicado e esclarecido. Se é oculto, só para a pessoa, esta não resiste esta dúvida e não permanece no Movimento. Como as coisas são reais, autênticas, o tempo todo, é impossível conviver com Inri Cristo como discípulo ou discípula com dúvidas. Há uma máxima no Movimento de Inri Cristo na qual os membros do Movimento dizem: "Não acreditamos em Inri Cristo. Sabemos que o que ele diz e vive é lógico, é sensato, é coerente. É verdade inquestionável!"

10) Quanto ao futuro, você acredita que o movimento liderado pelo Inri possa crescer mais?
Pedro Lusz: Crescerá sim. Está sempre em crescimento. Como é um Movimento revolucionário, sem armas físicas, sem o domínio da bajulação, sem negociatas, sem falsidade, fora do alcance da maldade, da corrupção e da mentira, cresce sem os sussurros e as costumeiras badalações dos movimentos sociais que já nascem falidos, sem amparo lógico. Inri Cristo tem dois aliados imbatíveis: o Tempo e a Verdade. Como nada consegue trapacear estes dois aliados, o Movimento de Inri Cristo está crescendo e crescerá muito, muito!

11) Nota-se que a doutrina ensinada pelo Inri é um pouco sincrética nela contendo: a reencarnação(espírita), guarda do sábado(Adventista), Salvação para 144 mil (Testemunha de Jeová). Em sua opinião, há uma razão para isto?
Pedro Lusz: Há explicações, lógicas, simples e naturais, para tudo que o Inri Cristo fala e vive. Sendo ele a continuação de um elo muito antigo, que dá sentido e sustentação à origem e continuidade da raça humana e sua evolução, é natural que ele seja autêntico. Assim sendo, não poderia contradizer o que sustentou e viveu em tantas épocas. O problema é que muitas pessoas, grupos e facções gostam de se apoderar de valores, princípios e passam a vender estes valores como sendo deles e eles a origem, a descoberta. Inri Cristo não deixaria, nem deixará de defender o que é lógico, apenas porque muitos afirmam ser isto de tais e tais grupos. A origem é bem mais velha que todos estes grupos. A palavra reencarnação, utilizada e até mesmo tornada popular pelo escritor francês Alan Kardec, é usada como referência por muitos povos, em diferentes correntes filosóficas, há milhares de anos. É vivida como explicação à lógica da vida, por milhares de budistas, hari krishinas, essênios, rosa cruzes, massons, inúmeras nações primitivas, agnósticos e por alguns grupos de judeus. Portanto, não é um valor, uma descoberta espírita. Como você afirmou ter lido um livro meu sobre Inri Cristo, lá há um capítulo sobre este assunto, com muitas referências sustentas pela Bíblia. As referências bíblicas atestam que desde a época de Abraão, ou mesmo antes, os judeus guardam o sábado. E, como sabemos, Abraão e os judeus são bem mais antigos que os adventistas. Sendo Inri Cristo judeu, como poderia ele deixar de cumprir a Lei que guia o povo judeu a tanto, tanto tempo? Há também citações bíblicas sobre este fato, sem creditá-lo aos adventistas.(Ex. 16-22 e 23; Ex. 20-11 ...) A citação de um recomeço, de um reordenamento da sociedade humana, comandado por um grupo de 144 mil pessoas sadias, em todos os sentidos, coerentes, simples, lógicas e que terão a Vida, o Criador como base e Comando, não é uma descoberta de ninguém, muito menos testemunhas de Jeová. É uma citação bíblica (Apoc.14-1 ...). Portanto, também por isto, não há tantos mistérios sincréticos na caminhada de Inri Cristo. Há sim uma lógica que não contradiz a História, mas a sustenta.

12) Embora o Inri fale muito em boicote da mídia, nota-se que ele tem procurado estar em programas de rádio e televisão e ido a debates em que sabe que será ridicularizado e até mesmo hostilizado. Qual a razão para isto?
Pedro Lusz: Eu, como amigo de Inri Cristo, que o respeito e prezo muito, já falei sobre isso com ele e até pedi, sugeri para ele evitar estas situações. Mas, como ele afirma não ter vontade própria, estar cumprindo ordens Superiores, ele não tem controle sobre estas decisões. Então, apesar de serem momentos muito constrangedores, para muito e principalmente para mim, que o estimo muito, Inri Cristo não tem como se livrar destas situações. Sendo assim, que se cumpra o julgamento e que os que comandam estas aberrações sejam responsabilizados, julgados por suas próprias atitudes e pelos atos que estão tornando público, humanamente vendo e falando, gratuitamente, pois fazem apenas o papel de ridículos tiranos e idiotas da comunicação que presta um serviço deprimente.

13) Qual é a sua visão geral do movimento?
Pedro Lusz: Coerente, seguro e que segue no rumo certo. O Movimento de Inri Cristo, que acompanho há muitos anos, está se solidificando em seus próprios fatos, fincando raízes em suas próprias práticas e afirmações. Sem se preocupar com o que pensam e fazem os outros. Com determinação no que vive e clareza no que fala, Inri Cristo está consolidando o Movimento que comando com uma coerência tamanha que não restará opções aos que esperam algum embaraço para impedir o que Inri Cristo está fazendo. Sociologicamente é como o desmontar de uma engrenagem que se corrompe e se corrói com suas mentiras e fantasias. Esta engrenagem é o sistema representado pela mídia, pela ganância, pelo medo institucionalizado e pelo comércio da fé.

É o desmascarar de muitas instituições que se destroem com suas próprias palavras. Querendo ou não muitos, é o que milhões estão buscando, esperando. O tempo dirá, respaldará o que estou dizendo.

14) Há algo que gostaria de acrescentar? Pode dizer...
Pedro Lusz: Inri Cristo tem algumas citações muito profundas. Terminarei com as palavras dele, que são as palavras da Vida: "A Coerência a Lógica e a Verdade são indissociáveis! Os sensatos meditam."

Os sensatos meditam, questionam, buscam, descobrem, observam, absorvem e seguem, sem permitir que lhes coloquem cabrestos. Assim, verão o que será o Movimento comandado por Inri Cristo.

Quem viver, escutar, buscar e não fugir da lógica, verá!

anuncio inri tv menor

DOAÇÕES À SOUST

Veja como participar da
missão de INRI CRISTO

Newsletter da SOUST

Digite seu e-mail:


RSS Feed Image Inri Cristo via RSS

Depoimentos

As palavras de INRI CRISTO refletem o mais elevado estado de lucidez, coerência, realismo. Que as mensagens de INRI neste site possam tocar os corações e iluminar as consciências. Num mundo conturbado pela violência, incompreensão, preconceitos, antagonismos... é necessário abrir as portas da espiritualidade para desfrutarmos momentos de alegria e paz interior, que nos fortalecem e nos tornam mais humanos.

Adeí Schmidt
Discípula de INRI CRISTO, Brasilia
Sep 16, 2011

Visitantes online

Nós temos 102 visitantes online

Redes sociais:

  • Facebook Page: 139052659514125
  • Flickr: inricristo
  • Twitter: _INRICRISTO
  • Vimeo: 27506247
  • YouTube: INRICRISTOnaWeb

banner app inricristonaweb

SOUST - Uma escola mística e filosófica

A SOUST é uma Escola Mística e Filosófica onde o Mentor Regente INRI CRISTO ensina os seres humanos a viver harmoniosamente em simbiose com DEUS, coerente com o que disse há dois mil anos e suas palavras valem para sempre: "Buscai, pois, o Reino de DEUS e sua justiça, e todas as outras coisas vos serão dadas por acréscimo" (Mateus c.6 v.33).

Leia mais

 

Como participar da missão de INRI CRISTO?