Font Size Larger Font Smaller Font

revista hype Clique aqui para visualizar a entrevista em .PDF com imagens.

1 - Quantos anos Inri Cristo tem nesta vida atual?
INRI CRISTO: “Atualmente estou com 63 anos. Reencarnei em 22/03/1948”.

2 - Quando você se deu conta de que era a reencarnação de Jesus Cristo e que Deus havia o enviado para mais uma missão aqui na Terra?

INRI CRISTO: “Desde criança obedeço a uma voz, uma única voz forte e poderosa, que fala no interior de minha cabeça. Em 1978, recebi ordem de sair do Brasil sem deixar nada para trás. Sentia em meu interior que iria fazer uma viagem sem volta. Em 01/09/1978 cheguei a Santa Cruz de La Sierra e no dia seguinte a La Paz, na Bolívia. Após haver falado aos povos boliviano, paraguaio, uruguaio e argentino, finalmente, em setembro de 1979, fui conduzido ao jejum em Santiago do Chile. Sendo a primeira vez que jejuava, não sabia da necessidade de ingerir água, ou seja, 'jejuei a seco'. Meu corpo estava em vias de um processo de inanição. De repente, a voz disse, desta vez mais imperiosa do que nunca: 'Levanta-te!'. Ao levantar, mareei porque quando se jejua o sangue demora subir à cabeça. Minhas mãos não me ampararam, bambearam para trás. Meus braços não me sustentaram e caí com o nariz no chão, como podeis atestar até hoje a cicatriz resultante da queda. Então, em meio a uma poça de sangue, a voz disse: 'As dores são necessárias, o sangue é necessário para que, quando te insultarem e reprovarem, te lembres que é o mesmo sangue que derramaste na cruz. Eu sou o DEUS de Abraão, de Isaac e de Jacob, Eu sou teu SENHOR e DEUS, e tu és o mesmo Cristo que crucificaram.

E doravante caminharás sobre a Terra como um peregrino errante. Serás prisioneiro, expulso, humilhado, odiado. Pagarás para dormir e não te deixarão dormir, tua túnica estará suja e não terás quem a lave, muitos rirão e debocharão de ti para que conheças bem os corações de teus filhos, que são o teu povo. Mas Eu serei contigo.' Então Ele revelou o mistério do meu nome, cuja segunda letra estava em sentido contrário (Iuri # Inri) e desvendou, como se fosse na tela de um filme, todo o meu passado, os estágios das anteriores encarnações. Eu que vos falo sou o Primogênito de DEUS, Adão, que reencarnei como Noé, Abraão, Moisés, David, etc., depois como Jesus e agora como INRI. O SENHOR mostrou-me quando caminhei em direção ao Calvário e disse às mulheres de Jerusalém: 'Mulheres de Jerusalém, não choreis por mim, guardai vossas lágrimas para vossos filhos, porque chegará o dia em que bem-aventuradas serão as estéreis' (Lucas c.23 v.28 e 29). Neste momento senti uma enorme responsabilidade cair sobre mim, porque meu PAI deu-me consciência de que sou o pai da humanidade, a origem de todos. Todos vós sois meus descendentes, viestes de mim e através de mim voltareis ao PAI. Por enquanto ainda bebo de gole em gole a última porção do cálice amargo da reprovação, para se cumprir o vaticínio que enunciei antes de ser crucificado ('Mas primeiro – antes de seu dia de glória – é necessário que ele sofra muito e seja rejeitado por esta geração. Assim como foi nos tempos de Noé, assim será também quando vier o Filho do Homem' – Lucas c.17 v.25 a 35). Muitos não estão preparados para receber-me, pensaram que eu jamais voltaria, jamais reencarnaria. Mas eu voltei como havia prometido”.

3 - A respeito da Bíblia, os homens exageraram em suas histórias ou estão totalmente corretas e fiéis aos acontecimentos que se deram?

INRI CRISTO: “A Bíblia é um livro de letras mortas escrita por homens sujeitos a erros e exageros. Só ao ser humano inspirado por DEUS e orientado pela racionalidade será facultado decifrar o enigma das Sagradas Escrituras sem descer a ladeira do fanatismo. A Bíblia é repleta de fábulas, lendas, metáforas, parábolas... por isso deve ser interpretada cabalisticamente. Quem leva a Bíblia ao pé da letra merece ostentar o status de energúmeno obstinado, isso pra não dizer idiota. Mas DEUS permitiu que assim fosse porque no bojo da Bíblia está inserida a lei de DEUS, e só os que cultivam o coração puro e a humildade perante Ele é que terão a graça de decifrar os enigmas das Sagradas Escrituras”.

4 - O demônio existe realmente?

INRI CRISTO: “Sim, o demônio existe, mas ao contrário do que muitos pensam por lhes haver sido equivocadamente ensinado, não é um macaco com rabo e chifres e sim o espírito das trevas, corpo energético sutil que serve como instrumento de purgação e evolução dos seres humanos. Quando alguém estupra, mata, rouba, mente, descontrola-se, e depois diz: 'Eu estava fora de mim', quem estava no seu corpo naquele momento? O agente do mal, espírito maligno que incorporou a fim de realizar seus malévolos propósitos”.

5 - O que Inri acha dos pastores e as igrejas que tentam se dar bem em cima da população, tirando muitas vezes o pouco dinheiro que elas tem?

INRI CRISTO: “Em primeiro lugar, eu disse quando me chamava Jesus: 'Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao PAI senão por mim' (João c.14 v.6), porque sou o Primogênito de DEUS, Adão, pai da humanidade, e todos têm que passar por mim para voltar ao PAI. Disse também que sou o único pastor e haverá um só rebanho e um só pastor (João c.10 v.16), porque sou o único ungido pelo meu PAI, SENHOR e DEUS. Não reconheço nenhum pastor exceto o quadrúpede alemão que serve de guarda, a exemplo do Lutero, pastor alemão que faz guarda aqui na SOUST. Logo, ninguém pode se dizer pastor sem ser impostor, lobo com pele de ovelha (Mateus c.7 v.15), uma vez que procede à revelia de minha autoridade. Esses que se auto-intitulam pastores na verdade são cegos guias de cegos: 'Mas ai de vós, hipócritas! Pois que fechais o Reino de DEUS aos homens e nem vós entrais nem deixais que entrem os que estão para entrar' (Mateus c.23 v.13). Mas os que fazem parte do meu rebanho me reconhecerão pela minha voz e não se deixarão iludir pelos mercenários da fé. Ademais, tudo que eu disse há dois mil anos está se cumprindo rigorosamente. Naquele tempo, interrogado pelos discípulos sobre os sinais do fim do mundo e da minha vinda, respondendo-lhes, disse: 'Orai e vigiai, que ninguém vos engane... Porque falsos cristos e falsos profetas virão em meu nome, farão prodígios e enganarão a muitos, até mesmo os eleitos se possível fosse' (Mateus c.24 v.5 e 24). Vede que eu disse: 'virão em meu nome'. Eles vieram em meu nome antigo (Jesus) e gritam nas esquinas e nos templos farisaicos: 'Aleluia! Sangue de Jesus tem poder', arrastando consigo uma multidão de energúmenos fariseus rotulados de crentes e evangélicos. Em meu nome ilicitamente subtraem os parcos recursos de meu povo e compram cadeias de rádio e televisão; em meu nome chantageiam o dízimo do miserável salário do obreiro (operário), contradizendo meu Evangelho. Uma vez que eu disse: 'Digno é o obreiro de seu salário' (Mateus c.10 v.10), ninguém pode usar meu nome antigo (Jesus) para remover uma fatia de seu minguado salário, sob o pretexto de chantagear o dízimo, sem praticar o ilícito contra a lei divina”.

6 - Por que vocês se mudaram para Brasília?

INRI CRISTO: “A Nova Jerusalém é a capital federal do Brasil, sem prejuízo do nome oficial, Brasília, concedido pelas autoridades terrestres. Por ser a capital mais alta do país, meu PAI disse e está previsto nos estatutos da SOUST que em Brasília deveria se situar a sede definitiva do Reino de DEUS, conforme a visão do discípulo João ('Transportou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a cidade santa, a Nova Jerusalém' – Apocalipse c.21 v.10). Em maio de 2006, após 24 anos em Curitiba, foi oficializada a transferência da sede da SOUST para Brasília, que é a Nova Jerusalém do Apocalipse c.21”.

7 - 2012 será mesmo o fim do mundo para o planeta?

INRI CRISTO: “2012 será o fim do mundo para aqueles que desencarnarem naquele ano. Não obstante, quanto ao fim deste mundo caótico, que será consumido por uma inevitável hecatombe nuclear, conforme já disse há dois mil anos, nem os anjos do céu sabem, nem o Filho do Homem sabe. Só o PAI (Mateus c.24 v.36). Ainda assim, não será o fim absoluto, e sim uma renovação, uma purificação na face da Terra”.

8 - O que achou do filme de Mel Gibson a seu respeito, houve muitos exageros cinematográficos ali?

INRI CRISTO: “Sim, houve exageros cinematográficos com base na idéia violenta que tiveram há dois mil anos e agora. Sempre essa necessidade de reprisar, essa necessidade que o povo tem de ver sangue. A idéia de dois mil anos atrás foi violenta porque não havia necessidade de toda aquela sem-vergonhice. Bastava me crucificar e pronto. Não havia por que me chicotear, me humilhar e cuspir em meu rosto. O próprio Pilatos disse que não encontrara crime nenhum em mim. E agora também não havia necessidade de reproduzir o suplício em dose exacerbada. Digamos que o diretor do filme, o Gibson, de acordo com a necessidade contemporânea, deu uma pitadinha suplementar em algumas coisas, a exemplo do corvo devorando o olho de um dos ladrões. É por aí que se vê o lado fantasia, o lado mórbido, o lado da sede de sangue. Nesse sentido ele foi infeliz, porque sou obrigado a dizer que não foi tudo exatamente daquele jeito, foi mais ou menos. O filme exagerou na dose de violência. Para os tempos atuais, em que os seres humanos ligam a televisão e é morte, é crime, é assassinato, se ele produzisse o filme exatamente como foi não daria bilheteria, não daria lucro. Mas o Gibson foi muito feliz, sim, em termos de lucro, pois a indústria da morte dá lucro. Ele ganhou e vai ganhar ainda muito dinheiro, independentemente da pirataria”.

9 - Você encontrou com Judas reencarnado na França, nos conte por favor como foi isso?

INRI CRISTO: “Ele apareceu pela primeira vez quando estive em Montataire, logo após ser acolhido pela França em 1980, na ocasião em que fui expulso da Inglaterra. Logo percebi que já o conhecia e ele também, por sua vez. Seu nome, Christiano Obry. Ele voltou ao meu encontro várias vezes até que me convidou para me hospedar em sua casa, onde jejuei durante seis dias. Ficava em Massy, na grande Paris, Rue de la Fontaine nº 1. Ele era oficial do exército francês; na época trabalhava como auxiliar de um general que fazia parte da reitoria da Grand Ecole Politechnique de Paris. Esse general dizia que queria me conhecer, todavia nunca veio ao meu encontro; por isso acabou articulando através do Christiano Obry para que eu fosse àquela faculdade falar aos jovens. Até então ele nunca havia declarado quem era. Enquanto estive hospedado na casa dele, às vezes ele chegava pelas costas e eu sentia que já o conhecia do passado, mas não sabia de quem se tratava. Coincidentemente, enquanto estive na França, era ele quem sempre carregava minha sacola, onde as pessoas vinham depositar suas oferendas nas aparições públicas. E quando chegou a hora de regressar ao Brasil, pela Divina Providência ele foi o encarregado de cambiar os francos franceses que eu tinha por dólares a fim de prosseguir viagem. Foram coisas que aconteceram silenciosamente sem eu saber por que... Em 1981 retornei ao Brasil; meses mais tarde, em 1982, fiz a revolução em Belém do Pará, que deu origem à SOUST, cuja sede provisória foi instituída em Curitiba – PR. Depois disso voltei à França a fim de fundar a sucursal francesa da SOUST. Como ele era muito participativo, estava sempre marcando presença, convidei-o a participar, pois meu intuito era nomeá-lo como primeiro secretário. Ao registrar a ata de fundação, estávamos todos reunidos em Beauvais (ele e os outros franceses comigo). No momento da nomeação, de repente ele se prostrou ajoelhado e disse chorando: “Rabi, Rabi, pardon, je suis pas digne de toi, je suis Judas Iscariotes”.

cristiano obryEle fez essa confissão diante de todos, foi uma situação muito constrangedora. Ao pronunciar essas palavras ele retirou-se e nunca mais voltou à minha presença. Depois desse dia, nunca mais o vi. Christiano Obry não só era oficial do exército francês, como também o mais estudado de todos; ele era inclusive membro graduado da Ordem Rosacruz. Face à declaração dele, os demais franceses entreolharam-se e conjecturaram entre si: “Como vamos confiar na pessoa depois de uma confissão desta?” Dado o ocorrido, nomeei outro filho francês para o cargo de primeiro secretário, Christiano Alepée, que era economista e executivo do banco Mutialité Agricole. Depois fui ligando os fatos e compreendi tudo, uma vez que o Reino de DEUS é um reino de sutilezas e sinais, e é nos sinais que se manifesta a voz do SENHOR do destino”. (na foto, à direita, Christiano Obry carregando a sacola de INRI)

10 - Ouvimos dizer que é tricampeão de sinuca em Maringá, você ainda joga nas horas vagas?

INRI CRISTO: “Bem, meus filhos, não sei de onde veio essa informação, mas a verdade é que nunca disputei nada, nunca participei de campeonato nenhum. Todavia, tenho como principal esporte o jogo de sinuca universal, o da bola 7, que requer cálculos precisos de geometria. Segundo consta, é o segundo esporte mais difícil do mundo. Jogar sinuca faz bem, é um exercício saudável uma vez que estimula a fazer alongamento, além de requerer raciocínio rápido e preciso. Essas são as principais razões por que aprecio jogar sinuca”.

11 - Fale a respeito de ser vegetariano que por sinal é muito bacana, é por conta dos animais?

INRI CRISTO: “Em 1976, tomei consciência de que não queria mais ser necrófago, ou seja, comedor de defunto. Sem querer ofender ninguém, a meus olhos comer carne é sinônimo de necrofagia, que é o termo usado na ciência para definir ingestão de cadáver. Desde então passei a me alimentar basicamente de vegetais. O motivo é o espírito, porque todo e qualquer animal que habita sobre a terra, incluindo os insetos, se movem animados pelo sopro divino. Sendo um organismo sensível, o animal sofre um momento de angústia e extrema ansiedade quando percebe que vai ser assassinado. Então, quando comes um cabrito, um boi, uma galinha... absorves junto com a carne toda a carga de energia negativa nefasta concernente à agonia que é gerada no momento do abate, quando o espírito é arrancado do corpo por ocasião do passamento. E quando o espírito é arrancado do corpo, o sangue coagula, porque era o espírito que, habitando no sangue, dava vida ao corpo. Eis o principal motivo por que me abstive de comer cadáver. É uma questão de consciência mística. Quanto ao peixe, não há restrição nesse sentido uma vez que, por viver submerso e depender da água para subsistir, ele não é movido pelo sopro divino, ou seja, o peixe não tem espírito, logo não transmite ansiedade”.

12 - Quais são as atividades de vocês no dia-a-dia, por exemplo plantam, desenvolvem artesanatos, costura ou outros?

INRI CRISTO: “Cada um ocupa seu tempo da melhor maneira possível, cada qual exercendo sua atividade, e às vezes até mais que uma, pois na SOUST todos aprendem a ser versáteis. Vale salientar que na SOUST ninguém trabalha por remuneração. Aqui todos são voluntários; trabalham com amor e unicamente por amor à causa divina. Todavia, na SOUST ninguém tem tempo pra dedilhar rosário, pois ensino aos meus discípulos que quem muito reza não tem tempo para agradar a DEUS. Aqui todos aprendem a orar ao SENHOR três vezes ao dia e no restante do tempo irão fazer boas obras para agradar aos olhos do SENHOR. Há os que cuidam da jardinagem, da agricultura... outros trabalham na informática, na cozinha, na manutenção, na costura, na comunicação com o público... e assim por diante, cada qual de acordo com suas aptidões e sempre dentro do equilíbrio, uma vez que, ironicamente, quem muito trabalha não tem tempo pra viver e usufruir de benefícios, uma vez que torna-se um robô. E quem muito estuda não tem tempo pra aprender as coisas práticas e necessárias da vida; é contundente dizer isso, mas é o que penso e vejo. Considero relevante e louvável o estudo acadêmico, mas estou me referindo àqueles colecionadores de diplomas que, por preguiça de começar a vida prática, ficam escorados na família fazendo faculdade após faculdade, estudo após estudo... Depois ficam se pavoneando nos salões falando numa linguagem que só eles entendem. Louvo quando alguém se torna um competente engenheiro, um exímio médico, um eloqüente advogado ou ainda um exemplar professor... não obstante, considero uma coisa idiota uma pessoa colecionar diplomas para depois tornar-se um parasita inútil da sociedade”.

13 - O que Inri Cristo acha do aborto?

INRI CRISTO: “Primeiro quero salientar que não sou a favor do aborto; sou racionalmente a favor da vida, todavia vida com dignidade. Na atual situação da sociedade, o aborto torna-se uma questão de saúde pública. Já que a fornicação é um hábito instituído e a explosão demográfica salta aos olhos, então é necessário, imperativo que se recorra ao controle da natalidade, primeiramente pelo incentivo de métodos contraceptivos (de preferência os menos agressivos à saúde) e, em última instância, deve-se recorrer ao aborto como paliativo nas situações socialmente extremas, como é o caso do estupro, anormalidade do feto e perigo de vida para a gestante (dentre os males, que prevaleça o menor). Eu vos digo em verdade, da parte de meu PAI, SENHOR e DEUS, que o espírito só é acoplado ao corpo físico quando o nascituro aspira o primeiro hausto de ar vivificante. O feto só adquire o status de criança quando é passível de ser criado independente do corpo da gestante. Antes recorrer ao aborto do que despejar no mundo milhares de crianças que dificilmente se escaparão da miséria, da fome e do descaso, tendo que pedir esmolas nas ruas, isso quando não se tornam menores delinqüentes, os futuros “bandidos” discriminados pela sociedade, mas que a própria sociedade hipócrita e falsamente moralista ajudou a formar. Já que todos estão à mercê das tentações, dos pecados da carne, da parte de meu PAI eu vos revelo que o aborto é um pecado menor (que a mulher já purga ao se submeter ao constrangimento, à tortura na ocasião da curetagem efetuada pelo ginecologista) comparado ao gravíssimo pecado de pôr no mundo mais um ser indefeso, impotente, sem as devidas condições de educá-lo e fazê-lo crescer com dignidade. É necessário que a humanidade saiba disso para acabar de vez com essa abominável chantagem, essas ameaças, essa maldição imposta sobre as indefesas mulheres pelos pseudo-religiosos que vilipendiam, desprezam, atropelam por motivos sórdidos o que eu falei há dois mil anos: “Se algum membro de teu corpo for motivo para escândalo, arranca-o fora e atira-o para longe de ti” (Mateus c.5 v.29). Não existe nada mais escandaloso do que uma mulher carregar no ventre o feto produzido pelo estuprador e, depois de colocar mais um ser indesejado no mundo, ter que ficar odiando-o e culpando-o pelo resto da vida. Deixemos a hipocrisia de lado e sejamos realistas. A humanidade tem que se acordar, despertar deste torpor, deste sono letárgico; creiam ou não, eu estou aqui, voltei à Terra com a missão de esclarecer a lei de DEUS para que os meus filhos sejam verdadeiramente livres em suas consciências”.

14 - Temos muitos mistérios ainda não desvendados e não-explicados na história do mundo, o que pode nos falar a respeito da pirâmides do Egito por exemplo?

INRI CRISTO: “Considero as pirâmides uma obra de arte, uma arquitetura fantástica, verdadeiros monumentos à engenhosidade. Não preciso elogiar nem opinar sobre as pirâmides, porque a própria imagem delas, preservada na passagem do tempo, fala por si só. Ahhh... sem essa de ficar fanatizando em cima das pirâmides. Conheci no México um cidadão que confeccionou umas pirâmides de lona, no interior das quais ele meditava com as pernas cruzadas em posição de lótus e ainda induzia outros a fazer o mesmo... francamente, pra mim isso é ofício de desocupados. E, ao contrário do que alguns possam pensar, as pirâmides não foram construídas por seres de outro planeta. Elas foram planejadas, arquitetadas por terráqueos que já naquela época detinham técnicas avançadíssimas de engenharia, e posteriormente foram construídas por operários”.

15 - Atualmente vocês estão almejando um espaço de três horas para falar em rede nacional, como está esse processo?

INRI CRISTO: “O processo está em andamento... e irá perdurar até que os legisladores, os representantes do poder público se despertem e articulem, providenciem esse plebiscito para o bem do povo brasileiro. Recentemente minhas discípulas fizeram o Melô do Plebiscito, está disponível no Youtube para quem quiser ver. A idéia foi lançada através do site www.peticaopublica.com.br , objetivando expor aos brasileiros quais os temas a serem abordados nesse espaço de no mínimo três horas sem censura. Em toda a história da humanidade, nenhum líder pôde jamais ajudar ao seu povo sem falar, sem se manifestar verbalmente. E não sou eu quem quero ou preciso falar; é o povo quem precisa me ouvir, e chegará o momento em que o povo quererá me ouvir. Da minha parte, eu nada quero, nada tenho e nada temo. Jamais irei concorrer a qualquer cargo eletivo uma vez que já vim ao mundo com um mandato divino. Todavia, como enviado de meu PAI, SENHOR e DEUS, posso aconselhar, instruir os políticos que se acercarem de mim para que deixem de ser sanguessugas do erário público e passem a honrar a posição na qual foram colocados pelo povo, uma vez que ninguém governa sozinho e ninguém faz o mal sem prejudicar a si mesmo”.

16 - Por onde passa, você cativa muitos fãs e admiradores com sua humildade e generosidade, qual mensagem gostaria de passar as pessoas que ainda não o conhecem?

INRI CRISTO: “Nem há dois mil anos consegui agradar a todos, e não é agora que tenho essa pretensão. Por onde passo, os que têm olhos para me ver vêem, os que têm ouvidos para me ouvir ouvem e me reconhecem pela minha voz (João c.10 v.16). Tenho convicção plena de que não irei convencer as topeiras, os jumentos, enfim, os seres rastejantes, da minha genuinidade, da minha autenticidade. Ainda assim, na luz de meu PAI, SENHOR e DEUS, que é em mim, continuo amando todas as criaturas que se movem sobre a Terra. Não importa se, quando passo, tenho que ouvir o rugir das procelas humanas, o grunhido dos porcos, o latido dos cães... Meu amor é avassalador; está acima de toda e qualquer mesquinharia, acima de todo e qualquer pensamento medíocre ou tacanho que porventura venham a nutrir sobre mim. Sou obrigado a seguir sempre adiante... A mensagem que tenho a deixar é que todo e qualquer ser humano que quiser ser digno de ser chamado de filho de DEUS deverá abdicar de adorar estátuas, de adorar ídolos... e deverá amar e adorar unicamente e antes de tudo meu PAI, SENHOR e DEUS, o Supremo CRIADOR, único Ser incriado, único Eterno, único Ser digno de adoração e veneração, onipresente, onisciente, onipotente, único SENHOR do Universo... Aqueles que conseguirem se situar dentro desse contexto serão agraciados com as bênçãos de viver as delícias do Éden mesmo aqui na Terra, nesse planeta conturbado, porque o Éden estará então na cabeça e no coração destes filhos. Tenham todos a minha paz”.

Quem divulgar esta entrevista será agraciado com bênçãos do céu.

anuncio inri tv menor

DOAÇÕES À SOUST

Veja como participar da
missão de INRI CRISTO

Newsletter da SOUST

Digite seu e-mail:


RSS Feed Image Inri Cristo via RSS

Depoimentos

As palavras de INRI CRISTO refletem o mais elevado estado de lucidez, coerência, realismo. Que as mensagens de INRI neste site possam tocar os corações e iluminar as consciências. Num mundo conturbado pela violência, incompreensão, preconceitos, antagonismos... é necessário abrir as portas da espiritualidade para desfrutarmos momentos de alegria e paz interior, que nos fortalecem e nos tornam mais humanos.

Adeí Schmidt
Discípula de INRI CRISTO, Brasilia
Sep 16, 2011

Visitantes online

Nós temos 80 visitantes online

Redes sociais:

  • Facebook Page: 139052659514125
  • Flickr: inricristo
  • Twitter: _INRICRISTO
  • Vimeo: 27506247
  • YouTube: INRICRISTOnaWeb

banner app inricristonaweb

SOUST - Uma escola mística e filosófica

A SOUST é uma Escola Mística e Filosófica onde o Mentor Regente INRI CRISTO ensina os seres humanos a viver harmoniosamente em simbiose com DEUS, coerente com o que disse há dois mil anos e suas palavras valem para sempre: "Buscai, pois, o Reino de DEUS e sua justiça, e todas as outras coisas vos serão dadas por acréscimo" (Mateus c.6 v.33).

Leia mais

 

Como participar da missão de INRI CRISTO?