logo inricristo oemissario do pai

en esp pt
image image image

INRI e os meios de comunicação

CONFIRA as mais recentes aparições de INRI CRISTO na MÍDIA DO BRASIL e também na MÍDIA MUNDIAL. Entrevistas em vídeo, reportagens, MATÉRIAS JORNALÍSTICAS, participações em programas televisivos, PUBLICAÇÕES PELA INTERNET... e muito mais!

Nascimento da SOUST

BELÉM do Pará - 28/02/1982. Foi neste dia memorável que INRI CRISTO praticou o Ato Libertário no interior da catedral belenense e nasceu a SOUST, Nova Ordem Mística que veio resgatar a essência do primitivo Cristianismo, conduzindo os seres humanos rumo à liberdade consciencial.

INRI CRISTO responde!

SEM CENSURA! Conheça a mais completa e esclarecedora entrevista de todos os tempos. INRI CRISTO responde mais de 400 perguntas sobre os mais polêmicos temas: vida de Cristo dos 13 aos 30 anos, evolucionismo, aborto, sexo, drogas, conflitos mundiais... Leia e reflita!

  • INRI na mídia
  • Ato Libertário
  • 400 perguntas

Em 12/11/2013, acompanhado de seus discípulos(as), INRI CRISTO realizou um manifesto público pelo Eixo Monumental da Nova Jerusalém - Brasília, distribuindo um panfleto no qual defende uma consulta popular sobre o fim do voto obrigatório. A passeata foi noticiada pela Folha, G1, Correio Braziliense, Jornal O Hoje, UOL, Diário do Poder, entre outros. Confira os dizeres de INRI CRISTO:

Na democracia genuína, o voto é facultativo

"Na democracia genuína, plena, o poder emana do povo. Logo, se o povo está no poder, ninguém pode obrigá-lo a votar. O povo só irá votar porque escolheu um candidato à altura de suas expectativas, que o convenceu positivamente, que enunciou uma proposta plausível, que fez algo concreto para o bem de toda a nação.

Todavia, na pseudodemocracia, o ser humano é obrigado a sair de casa e espremer-se dentro de um ônibus entupido de vítimas do sistema para votar mesmo sem escolher um candidato, só porque o voto é obrigatório. Isso não é democracia; é ditadura disfarçada! O maior terror dos políticos corruptos é a democracia plena – onde o voto é facultativo – pois o candidato sabe que se ele prometer e descumprir, será preterido no próximo pleito.

memorial

Histórico dos pertences que o ALTÍSSIMO agregou à indumentária de INRI CRISTO desde a revelação de sua identidade em Santiago do Chile, em setembro de 1979, e a origem do símbolo da SOUST

1ª TÚNICA DE INRI CRISTO

A 1ª túnica de INRI CRISTO, de linho puro doado pelo chileno Alamiro Tápia, foi costurada pela professora de Filosofia Berta Segura Sanchez, em Santiago do Chile. Com essa túnica INRI jejuou e teve a revelação de sua identidade em setembro de 1979. Posteriormente, INRI CRISTO continuou sua peregrinação pela América Latina. Em Lima – Peru, no Hotel Savoy, recebeu o forro de seda. No Equador, falou na TV no programa de Christian Johnson; na Colômbia falou no programa Desayuno (canal 7). A expulsão da Venezuela propiciou a vinda de INRI CRISTO a Brasília pela primeira vez, em fevereiro de 1980. Hospedado no Hotel das Américas, quando INRI abriu a janela do quarto pela manhã e avistou a Esplanada, seu PAI, SENHOR e DEUS disse-lhe:

“Eis a Nova Jerusalém*, onde futuramente irás estabelecer a sede do meu Reino...” (* Apocalipse c.21)

nome-inriINRI é uma abreviação bíblica. Você adotou este nome devido à mensagem que recebeu de DEUS?

INRI CRISTO: “Na verdade, eu não adotei o nome INRI, e sim, o ALTÍSSIMO, meu PAI, SENHOR e DEUS, me impôs. Desde criança obedeço a voz, a única voz, forte e imperiosa, que fala no interior da minha cabeça, mas até o jejum eu desconhecia quem era esse Ser poderoso, essa força sobrenatural que me comandava (‘Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo... e vos anunciará o que há de vir’ - João c.16 v.13). Só sentia que tinha de obedecer, e nas vezes que titubeava, não obedecia incontinenti, era acometido de uma dor lancinante na cabeça. Eu não tinha consciência de minha identidade e condição, pois estava cumprindo o que está previsto nas Sagradas Escrituras com relação ao meu retorno (‘...Virei a ti como um ladrão e não saberás a que hora virei a ti – Apocalipse c.3 v.3). Desde que me desvencilhara dos cadeados do raciocínio (dogmas) impostos pelas religiões, tornei-me ateu. Nessa condição iniciei minha vida pública em 1969; vivia como profeta de um DEUS desconhecido, o COSMOS, a quem chamava de PAI. Naquela época, a poderosa, transcendente voz, disse que eu teria que assumir o nome Iuri, aludindo ao cosmonauta russo Iuri Gagárin, que ascendera ao espaço sideral obediente a Nikita Khrushchev (do extinto governo soviético). Nikita, outrossim ateu ideológico, determinara ceticamente que Gagárin averiguasse se DEUS existia. Ao retornar do espaço, Nikita questionou se ele havia encontrado DEUS, ao que Gagárin respondeu: ‘Olhei para todos os lados, mas não vi DEUS’. Em consequência dessa afirmação, meu PAI disse: ‘Ele buscou e nada encontrou, nada viu... Tu tens que, assumindo o nome Iuri, transcender, decifrar ao mundo o enigma do Cosmos. Por aproximadamente 10 anos (1969 a 1979), vivi como consultor metafísico, usufruindo o dom da vidência que me fora concedido desde a infância, sem ainda ter consciência de minha identidade.

Em 1971, na TV Morena, canal 6 de Campo Grande – MS, o diretor Elias Zahran disse que eu teria que agregar um sobrenome, e sugeriu Nostradamus. Obediente à voz interna, eu disse: ‘Então, que seja ‘de' Nostradamus". Logo, a mídia brasileira me apresentava aos finais de ano como Iuri de Nostradamus, quando profetizava sobre diversos assuntos concernente ao porvir... Nostradamus tinha a ver com o médico francês da Renascença, que ficou conhecido por sua vidência. Do latim, Noster Domina, na tradução em francês, Notredame, significa ‘Nossa Senhora’, que consideram erroneamente ‘mãe’ de DEUS, e fora assim a minha genitora.

Somente em setembro/1979, quando o SENHOR me conduziu ao jejum em Santiago do Chile, é que Ele se revelou e revelou o enigma do meu nome: ‘Eu sou o DEUS de Abraão, de Isaac e de Jacob. Eu sou teu SENHOR e DEUS, CRIADOR do céu e da terra e único SENHOR do Universo, e tu és meu Primogênito, o mesmo CRISTO que crucificaram; em teu nome está o mistério de tua identidade, teu nome é Inri e não Iuri; a segunda letra está em sentido contrário: u#n. INRI é o nome que pagaste com teu sangue na cruz. É o teu novo nome.

Neste momento, senti descer sobre mim o peso do encargo de Primogênito de DEUS. Foi então que tomei consciência de minha identidade e do meu novo nome, INRI, Apocalipse c.3 v.12 (‘Ao que vencer... escreverei sobre ele o nome do meu DEUS, e o nome da cidade do meu DEUS, a Nova Jerusalém... e também o meu novo nome).

Após o jejum em Santiago do Chile, fui convidado pelo ancião Alamiro Tápia, livre-pensador, estudioso de assuntos místicos e esotéricos, a me hospedar no Instituto Villa Sana*. Ele foi a primeira pessoa que viu quem sou e até reconheceu-me pela voz quando ouviu-me na rádio Portales. Ele quem adquiriu o tecido de linho puro para a feitura de minha primeira túnica. Logo depois do jejum, Alamiro visitou-me no referido Instituto, e em minha presença disse: ‘Maestro, hay un misterio en tu nombre. Tu nombre no es Iuri, y sí Inri. La segunda letra está invertida. Tu nombre es Inri’. Impressionante foi ouvir essa inesperada, inspirada declaração de Alamiro, uma vez que ele não esteve comigo durante o jejum.

O SENHOR disse que eu ainda não deveria dizer a ninguém sobre a minha identidade; só poderia fazê-lo quando um jornal, como se por equívoco fosse, escrevesse o meu nome com a segunda letra corretamente, INRI. Peregrinei toda a América Latina como Iuri, já trajando minha antiga indumentária, a túnica. Só quando cheguei ao México em 1980, o jornal Ovaciones escreveu: ‘INRI, el Cristo, habla al pueblo y cura a los enfermos en el quiosque de la Alameda’. O SENHOR disse, desde então, que eu deveria me apresentar usando meu nome com a letra na posição correta. Deste dia em diante passei a dizer que sou o mesmo que crucificaram. E passei a sentir o ódio dos inimigos do Reino de DEUS, cumprindo-se o que eu disse aos discípulos com relação ao meu retorno: ‘Mas primeiro é necessário que ele sofra muito e seja rejeitado por esta geração. Assim como foi nos tempos de Noé, assim será também quando vier o Filho do Homem... Comiam, bebiam, tomavam mulheres e davam-se em núpcias, até o dia em que Noé entrou na arca, e veio o dilúvio que exterminou a todos. Assim será no dia que o Filho do Homem se manifestar...’ (Lucas c.17 v.25 a 35). Na Europa, dando continuidade à minha peregrinação sobre a Terra, obediente à ordem de meu PAI, SENHOR e DEUS, na França, em Paris, incinerei o passaporte e passei a caminhar como apátrida. De volta ao Brasil, após sobrepujar um processo de falsidade ideológica na Justiça Federal que se arrastou por quinze anos (Lucas c.17 v.25 a 35), em 24/10/2000, chegada a hora, as autoridades judiciárias reconheceram oficialmente minha identidade, fazendo constar meu nome INRI CRISTO em todos os documentos (passaporte, identidade, CPF, etc)”.

* (Atualmente chama-se Villa de Vida Natural, na Calle Tomas Moro, nº 261, Las Condes, Santiago - Chile).

(Ver “Reconhecimento oficial e definitivo da identidade de INRI CRISTO” http://www.inricristo.org.br/index.php/pt/biografia/peregrinacao-inri-cristo/268-reconhecimento-oficial-definitivo).

INRI é o novo nome do Primogênito de DEUS. Significa, em latim, Iesus Nazarenus Rex Iudaeorum. Traduzindo: Jesus Nazareno, Rei dos Judeus (João c.19 v.19). CRISTO, na tradução do grego, quer dizer o ungido, no singular. Ou seja: INRI CRISTO significa Jesus Nazareno Rei dos Judeus, o Ungido. “Ao que vencer... escreverei sobre ele o nome de meu DEUS... e também o meu novo nome (Apocalipse c.3 v.12).

Quem divulgar esta mensagem será agraciado com bênçãos do céu.

Página 8 de 20

8

Assim falou INRI CRISTO e suas palavras valem para sempre:

"... Muitos são os chamados e poucos os escolhidos..." (Mateus c.20 v.16)

"... Quem não junta comigo, espalha..." (Mateus c.12 v.30)

quatro itens

Assessoria: +(55) (61) 3404-0134 / 3404-3000

Núcleo Rural Casa Grande, Rua 08 MA chác. 18

Setor Oeste - Gama - 72.428-010

BRASÍLIA - DF - BRASIL

Contato por e-mail